Mensagens

Ser hUMano

Imagem
  Olhar para dentro e desconstruir todo um trabalho de centenas ou talvez milhares de pessoas não é fácil! Olhando para cada um como um puzzle montado por uma grande quantidade de outros puzzles em busca de uma peça que encaixe em si. O quê Sónia? Que ideia maluca é essa? Maria Respira! Vou explicar à minha maneira Sónia Maria! Por quantas mãos já passaste até chegares ao ponto onde estás e à idade em que estás, hoje? Quantas lições de vida já te passaram pelo corpo? Com quantas pessoas já te cruzaste e com quem falaste ou apenas trocaste olhar? Quantas memórias guardas no teu ADN dos teus ancestrais?  Quantas pessoas já te sugeriram o que devias, precisavas, ou seria melhor fazeres, por uma série de razões ou talvez por nenhuma? E quantas vezes te sentiste obrigada/o a fazer ou a ser algo que não te acrescentava nada na tua proposta de ser uma melhor pessoa, mas só o fazias porque pensavas que precisavas de aprovação do entorno para alcançar o teu objectivo? Quando se fala de mudança,

Vulnerabilidade? O que é isso?

Imagem
  Até à pouco tempo eu não entendia a palavra vulnerabilidade, nem mesmo quando me alinhei no caminho do autoconhecimento. Ouvia muitas vezes para entrar em contacto com as minhas emoções e com os meus sentimentos, para aceitar as minhas vulnerabilidades e eu achava que já o estava a fazer desde que me conheço como pessoa. Só que afinal não! E Porquê Sónia Maria? Simples! Fui educada assim literalmente!  Caía e magoava-me e ouvia : "Não chores! Não vale a pena! Já passou!" Alguém me batia e eu queixava-me aos adultos e ouvia: "Aiiii Então? Só estava a brincar contigo! Vá, Para lá de chorar!" Tantas vezes durante 2 anos (3ª e 4ª classe) em frente à turma toda a professora castigava-me com reguadas tanto por saber como por não saber, e a turma dizia em coro já muitas vezes treinado:  "Engole em seco! Tu é que as pediste!" e eu engolia....  Durante as vezes que a minha mãe ia para o hospital, eu sentia a falta dela e ouvia de novo: "Estás a chorar para q

Vergonha..... de quê ou de quem?

Imagem
     Muitas vezes o meu silêncio serve para observar tudo ao meu redor e me ajudar a perceber o meu comportamento e os comportamentos de outros, seja ele individual ou colectivo, não para procurar a perfeição mas para melhorar a minha condição na passagem pela Terra. vergonha / ô / ver.go.nha nome feminino 1. sentimento desagradável relacionado com o receio da desonra ou do rídiculo; pejo 2. timidez; acanhamento 3. ato indecoroso 4. sensação de perda de dignidade ou de falta de valor pessoal, humilhação, rebaixamento 5. desonra; opróbrio 6. rubor nas faces 7. antiquado plural; orgãos sexuais humanos in  https://www.infopedia.pt/dicionarios/lingu a-portuguesa/vergonha      É nessas alturas que mergulho fundo, e uso como fio condutor para regressar à superfície, muito do que acontece à minha volta.      Sem rodeios, vou à infância de cada ser humano, que trás memórias de muitas vidas e de muitas crenças e de muitas experiências guardadas em cada célula do nosso corpo.      Uma das emoçõ

Existem Benefícios na Massagem na Nova Era?

Imagem
Existem Benefícios na Massagem na Nova Era?        Existe nesta fase, sem dúvida, algo aí fora que assombra uma grande parte da população  precisamente porque não se vê…só se sente....  é natural e inquestionável a razão que leva muita gente a recusar-se a passar a porta de casa. O medo da morte está espalhado por aí, mais ainda do que o de ser julgado por cometer alguma infracção ou quebrar alguma regra. Mas…. Está tudo bem! Não há certo ou errado nisso… é o que é! A título de reflexão coloco-me algumas questões:   Porque me assusta a morte se é a única garantia que temos todos assim que nascemos? Ainda não fiz ou disse tudo o que tinha de fazer e dizer? E o que tenho para fazer que ainda não tenha feito? O que é que tenho feito para alcançar o que tenho para fazer? O que tenho ao meu alcance que posso fazer mais? O que posso fazer mais com os recursos que tenho? Estou a fazer com rapidez ou com calma? A Rapidez não tem a ver com fazer muito e depressa! A Calma não tem

Agradece.

Imagem
Hoje vai sair muita coisa, prepara-te! Hoje não quero falar de violência... não quero falar de doenças.... não quero falar de sombras... mas é provável que o assunto passe por lá, porque o que acontece quando evitamos o que não queremos, isso vai encontrar-nos mais tarde  numa outra vibração...  "o que queres nem sempre é o que precisas, e o que precisas nem sempre é o que queres!" Acima de tudo, hoje quero falar de Amor! Não daquela atração física ou desejo carnal que nos apegam e por vezes forçam e acorrentam demasiado contra a nossa vontade a presença de outros semelhantes, não aquela dependência fisica que muitas vezes não respeitamos, e que é confundida com amor.  Quero falar daquele Amor que não me foi exigido nem cobrado e que eu prometi trazer ao mundo no momento do meu (re)nascimento, quando ainda nem sequer assumia o tamanho de um feijão! Eu não me lembrava disto! Num momento sem espaço e sem tempo limitado, definido, mas creio que algures nessa imensidão do Univers

A CARTA

Imagem
Somos tanto mais do que o simples corpo que observamos à nossa frente...   Somos tanto mais do que o código genético que ele transporta… para mim é perfeita a visão da ponta do iceberg para ilustrar o universo de informação que está colado a cada ser, por debaixo dessa capa.   O que está escondido por trás de um simples comentário e da sua resposta! Muitas vezes não falas alto por medo do julgamento externo… ou porque não queres saber as opiniões…. Ou porque receias que as pessoas não pensem como tu e não queres que isso te seja dito com frontalidade…. Ou não queres ser colocada em dúvida... não queres ter dúvida daquilo que acreditas, porque sempre foi isso que te foi apresentado! Não conheces outra realidade…. Ou será que sim? E se conheces, não te atreves a questioná-la? E se a questionas, não queres ouvir a resposta? E se for algo que vai deitar abaixo tudo aquilo que te foi ensinado pela escola, pelos amigos, pela família, por quem aprendeste a am

Hora de (Re)ligar o Corpo à Alma

Imagem
A imagem é forte, sim.... e o assunto por trás da imagem também... Senti um forte impacto emocional quando a vi esta imagem num post de um amigo/irmão enfermeiro, associando o testemunho de uma outra profissional de saúde no link abaixo indicado. https://www.publico.pt/2020/04/05/impar/cronica/infeccao-covid19-deixounos-morrer-sozinhos-1910700?fbclid=IwAR0icIabChXyP5obo2k7SXfsoW499YUHgKB-yi60G9Bx5LHkLXLTh5evikY Como compreendo o pesado sentir de cada um... compreendo porque durante anos entreguei a mão, o corpo, a mente, e até a alma muitas vezes, a esta linha que está à frente de qualquer necessidade agora, que tem o nome de Morte...  Não me lembro do grande número de vezes que e a quem dei a mão, ou que simplesmente fiquei a assistir aos últimos batimentos cardíacos e últimos suspiros agónicos de quem decidiu partir por algum motivo que apenas o Universo saberá (ainda que para muitos seja cedo de mais ou não compreendam o porquê da partida)....  Muitas vezes fi